Como estamos de Sol” é um projeto multidisciplinar de cariz tecnológico que envolve alunos, professores da Escola Gama Barros (Agrupamento de Escolas D. Maria II, Sintra), investigadores do Instituto Dom Luiz e alunos da Oficina das Energias. Neste projeto, desenvolve-se um protótipo de um sensor de radiação solar de baixo custo, que permite monitorizar a radiação solar e estimar o potencial solar dos telhados das escolas.

Financiamento: Fundação Ilídio Pinho (prémio “Ciência na Escola”)

Aqui pode ver algumas imagens do decorrer do projeto.

Oficinas Temáticas

Importância das energias renováveis, em particular da energia solar

 

Montagem de sistemas de aquisição de dados e controlo utilizando a plataforma Arduino

 

Design e criatividade, para desenho e construção da embalagem do sensor

O Sensor de Radiação Solar de Baixo Custo

O sensor consiste num fotodíodo que permite estimar a radiação que nele incide. Os dados registados pelo sensor são transmitidos para um sistema de armazenamento web. A componente eletrónica é desenvolvida num Arduino Uno, de custo acessível e enorme versatilidade. Uma caixa de design criativo que confere robustez ao sensor (exposto às intempéries), envolve o sensor.

O protótipo desenvolvido poderá ser usado, posteriormente, por outros alunos e indivíduos para recolha e análise dos dados de radiação solar e cálculo do potencial solar de edifícios.